Rádio Automotivo desligando ao dar partida

Assistir no Youtube

Por Adriano AoliAtualizado 10/09/2022

Veja Também

Transcrição

Há uns meses atrás, um amigo meu chamado Marcelo Sobral, me ligou perguntando se havia alguma solução para quando ele desse a partida no carro dele o rádio dele não desligasse. O rádio dele está ligado com o fio vermelho e com o fio amarelo. O fio amarelo está ligado direto nos 12V da bateria e o fio vermelho está ligado na chave de ignição, então, o rádio só funciona com o carro ligado... isso é ótimo para você não esquecer só que há um inconveniente: quando se dá partida o rádio desliga. É claro que isso foi feito para poupar energia durante o arranque do motor. Nós ficamos conversando por vários minutos e até que então surgiu a ideia de usar um capacitor ligado no fio vermelho do rádio. Especulação vai, especulação vem e a gente resolveu testar isso para saber se realmente funciona esta ideia ou não, vamos lá?!

Vamos entender como é o esquema de ligação de um rádio automotivo, geralmente todos os rádios seguem a mesma ligação. Nós temos a bateria, um fio, que é o fio preto vai para o rádio, o fio amarelo sai direto da bateria e vai pro rádio, e o fio vermelho é ligado na chave de ignição. Certo?!

Quando o carro está desligado, este fio vermelho não recebe os 12V da bateria, então o rádio não liga. Este é só um fio de sinal. A alimentação está vindo do amarelo. O rádio não liga porém há eletricidade, para manter as memórias, as emissoras de rádio que estão lá cadastradas. Quando nós damos partida no carro ele desliga este fio vermelho e o rádio desliga, para que não fique baixa a bateria durante a partida do carro. Toda a energia vai para a ignição. Como o rádio possui muito pouco, dá para a gente tentar fazer esta experiência.

Nesta posição aqui, quando nós giramos a chave até o final o carro dá partida e o rádio desliga, o que nós estamos tentando fazer é com que o rádio fique ligado durante a ignição e que quando o carro estiver desligado que realmente o rádio não funcione. Certo?! É isso! Sem nós danificarmos a estrutura elétrica do carro, sem nada!

Eu não recomendo que você faça isso, isso foi feito apenas em um modelo que nós testamos e então se você quiser fazer é por sua conta e risco.

A ideia original foi usar um capacitor de eletrolítico, você verá no vídeo daqui há pouco, este capacitor eletrolítico tem polaridade, há um terminal negativo e positivo, se você ligar ao contrário ele estoura! Você precisa tomar cuidado com isso aqui... E outra coisa também é a tensão dele. Como a bateria tem 13,8V mais ou menos, você precisa usar um capacitor de tensão superior, então geralmente o valor comercial mais adequado seria 25V, para cima... e aqui a capacidade, a capacidade de armazenamento deste capacitor.

O capacitor funciona como uma caixa dágua. Imagine que você tem uma torneira jogando água dentro de uma caixa dágua e esta torneira para, fecha-se a torneira. Por algum tempo você ainda tem saindo um pouquinho de água, que seria a capacidade da caixa, então a capacidade seria estes estes micro Farads aqui do eletrolítico, é um valor baixo, pequeno, os circuitos eletrônicos usam estas propriedades dos capacitores eletrolíticos, das mais variadas formas possíveis mas basicamente é isso aqui.

A ideia o que seria? Nós temos a bateria, fio negativo, fio amarelo passa direto, e... antes da ignição que está aqui, entre o fio preto e o fio vermelho nós vamos colocar um capacitor. Por aqui não há nenhuma corrente alta passando, é só um cabo de sinal. Ele apenas liga e desliga o rádio. A alimentação está sendo feita pelo amarelo. O capacitor vai manter o rádio funcionando por um tempo, certo?! É diferente daqueles casos que o rádio está ligado direto e você dá partida e a luz enfraquece do rádio.. não é isso... Aqui é para o rádio ficar ligado durante alguns segundos, porém a alimentação está vindo do fio amarelo e não amarelo! Aqui é só um sinal! Nós vamos fazer duas simulações, a primeira com um capacitor de 2.200 micro Farads e a segunda com 1.000 micro Farads.

E outra coisa também que o Marcelo acabou levando em consideração é que nós não sabemos o que está ligado aqui... pode haver o painel do carro, pode ter alguma lâmpada interna, pode ter um monte de coisas. Então para não voltar energia do capacitor para o resto do circuito nós vamos adicionar um diodo. Eu vou mostrar no vídeo o diodo. O símbolo do diodo é este aqui ... É um triangulo... e o modelo que nós vamos utilizar é o 1n4007. Basicamente ele é um componente redondo que tem uma lista de um dos lados. Neste caso, a lista ficará apontada para o rádio. E o capacitor será ligado aqui depois dele. Este é o símbolo do capacitor, terminal positivo e negativo. Aqui a ignição, seria o fio vermelho e aqui o rádio. Então nós cortaremos o fio do rádio, colocar o diodo e colocar o capacitor. Vamos ver quando tempo dura!

O que eu fiz?! Liguei o rádio diretamente em uma fonte ajustável de tensão, o fio amarelo está sendo alimentado direto pelos 12V, o fio vermelho está solto, não há tensão alguma nele, e o fio preto está ligado no negativo. Quando eu encosto o fio amarelo no vermelho, ou seja, jogo 12V no fio vermelho o rádio liga, está inclusive na voz do Brasil e quando eu solto o fio o rádio desliga. Veja que o rádio dá um GOODBYE, ou seja, não estou desligando ele abruptamente. Estou desligando da forma correta. Quando eu encosto o fio, o rádio funciona, quando eu solto o fio o rádio desliga... mais uma vez, eu encostei, alimentei com 12V e quando eu solto o rádio desliga, simulando o efeito da chave de ignição.

Agora vamos adicionar este capacitor eletrolítico de 2200 micro Farads, entre o fio vermelho e o fio preto. Coloquei um celular aqui do lado para a gente medir o tempo. Quando eu solto o fio, olha.. ele não está encostando... o fio vermelho não está encostando, o rádio fica funcionando por um tempo ainda. 10 segundos, 12, 14, 16, 19, e o rádio desligou com 20 segundos... Daria tempo de dar partida e voltar, e não desligaria. Agora eu coloquei um capacitor de 1.000 micro Farads, o que nós esperamos é que funcione a metade do tempo. O rádio está funcionando, provavelmente ele vai ficar em torno de 10 segundos funcionando.

Eu não recomendo que você faça isso, se você resolver fazer isso será por sua conta e risco! Eu não me responsabilizo por nada que venha a acontecer com seu aparelho ou com seu carro.

E colocando o diodo agora naquele sentido que eu desenhei no começo do vídeo, o rádio também funciona por aquele tempo porém a eletricidade que está no capacitor não irá voltar pelo circuito e vai drenar com mais rapidez.

Então é isso, ficou provado que a nossa teoria realmente funciona. Se você gostou do vídeo se inscreva no canal, compartilhe com os seus amigos e obrigado! Se inscreva no canal! Dá aquele joinha! Até a próxima!

Descrição

O rádio do carro está ligado de tal maneira que com o carro desligado o rádio não funciona e ao girar a ignição para dar partida ele também desliga. Então para provar uma teoria resolvi fazer um teste prático.

Relacionados

radio desliga ao dar partida

radio desliga quando da partida

dar partida

som desliga ao dar partida

@2006 - 2021 - Adriano AOli

Criação de Sites - Criação de Sistemas

Todos os direitos reservados