Como reduzir a conta de energia

Assistir no Youtube

Por Adriano AoliAtualizado 02/07/2022

Veja Também

Transcrição

A sua conta de energia veio muito alta e você não sabe nem o que fazer? Neste vídeo eu vou te dar algumas dicas para você descobrir qual é o vilão ai na sua casa.

A primeira coisa que você deve fazer é pegar uma conta antiga de eletricidade e calcular o preço do kilowatt-hora de meses atrás. Para isso você deve localizar o valor que você pagou naquele mês e dividir pelo total consumido. Assim você terá o preço do kilowatt-hora, e depois você pega uma conta nova, atual, e faça o mesmo cálculo. Se os valores estão muito similares, se por exemplo você encontrou R$ 0,79 há quatro meses atrás e agora você encontrou R$ 0,80 significa que o valor, que o preço do kilowatt-hora não aumentou, ou seja, não é o preço do kilowatt-hora que subiu, foi o seu consumo que subiu. Se você notou que houve uma diferença, antigamente você pagava R$ 0,80 e agora você está pagando R$ 1,00 pelo preço do kilowatt-hora ai sim foi alguma bandeira nova que aconteceu, ou você mudou o perfil de consumo ou tem algum imposto novo que você não estava ciente e já não tem o que fazer. Se o valor permanece muito parecido vamos seguir aqui com as explicações do vídeo.

Mas antes se você não for inscrito no canal eu peço que por favor se inscreva, neste canal eu falo de assuntos relacionados com eletrônica, com consumo de energia, com eletricidade em casa de uma forma muito descomplicada. Eu tenho certeza que você vai gostar.

O segundo passo que você precisa verificar é se houve alguma diferença no seu padrão de consumo. Por exemplo: chegou o inverno (eu não sei quando você está assistindo a este vídeo) mas se chegou o inverno geralmente nós gastamos mais eletricidade, com banho mais quente, com banho mais demorado. Aconteceu isso? Você comprou algum equipamento elétrico novo? Tem alguma coisa diferente que você tenha comprado nos últimos meses? As vezes demora pra gente notar aquele aumento no consumo de eletricidade. Pode ser que algum equipamento que você tenha comprado há um certo tempo agora você esteja utilizando mais. Pode ter sido isso tenha tenha acontecido. Tente se lembrar que tem alguma coisa que você comprou há um mês, um mês e meio dois meses para saber se ele é o responsável por esta diferença de consumo.

Outra coisa que você tenha que observar é pegar uma conta de energia elétrica e ver o histórico de consumo. Você vem consumindo sempre a mesma quantidade de kilowatts-hora? Algumas concessionárias colocam um gráfico inclusive mostrando mês a mês quanto você consumiu. Não em reais, mas sim da quantidade na quantidade de quilowatts que você consumiu. Ou seja, isso já vai te ajudar a saber se você está gastando mais ou se o preço do kilowatt-hora subiu.

Agora vamos aos vilões do consumo eletricidade inesperado. Obviamente que um chuveiro elétrico vai gastar muita eletricidade, uma churrasqueira elétrica vai gastar muita eletricidade, tudo aquilo que esquenta, que produz calor ou tem motores com certeza gasta muita eletricidade, ar condicionado tem motor e então entra nesta regra que eu falei, grill entra neste cálculo, sanduicheira, mas vamos imagina que você continua usando na mesma quantidade todos estes equipamentos, então nós vamos descartar. Agora nós vamos pegar os aparelhos que podem sofrer variação de consumo ao longo do tempo, entre eles eu destaco dois principalmente: o primeiro é a geladeira ou freezer. O que acontece é que com o passar do tempo as borrachas de vedação começam a perder a eficácia, ou seja, elas se descolam com mais facilidade. Eu não sei se você notou mas existe um imã que gruda quando você fecha a geladeira o freezer, e quando este imã perde um pouco o magnetismo, ele acaba deixando passar ar, entrar ar, e com isso você acaba deixando mais tempo ligado e consequentemente você gasta mais energia elétrica. Como você pode fazer o teste disso? Você pega uma folha de papel comum, coloca na porta da geladeira e fecha a geladeira. Só a bordinha aqui... Coloca e fecha! Se o papel sair com muita facilidade com certeza está entrar ar quente na geladeira e com consequentemente o motor está ficando mais tempo ligado. Isso é um vilão do consumo de energia. Se o papel está saindo com muita facilidade então você precisa chamar um técnico em refrigeração para dar uma geral no equipamento.

Outro aparelho que costuma dar muito susto nas pessoas são os filtros de água com refrigeração. Algumas marcas infelizmente enganam os consumidores e não falam quanto realmente eles consomem porém, pode acreditar, não é pouco! Se você mora em uma região muito quente ele terá que ficar mais horas ligado para resfriar a água. Os testes em laboratório deste equipamento geralmente são feitos em condições de 25ºC , 26ºC e no Brasil não é todo mundo que tem esta temperatura, principalmente quem mora nas capitais, quem mora no nordeste, quem mora no costa do Brasil, as temperaturas são altas. A água que entra no cano já vem com 30ºC, 33ºC, até mais que isso e consequentemente este aparelho que refrigente a sua água terá que trabalhar muito mais. As vezes acontece também que uma ventoinha que fica no fundo dele ficar emperrada e com isso ele fica gastando.. gastando...gastando...gastando eletricidade e você não nota. Você só vai notar no final do mês.

Há uma ultima situação que pode acontecer é o estado da fiação da sua casa não estar tão bom, mas isso acontece em uma situação muito rara. As vezes as emendas são muito mau feitas e você acaba consumindo mais eletricidade por conta disso, porém neste caso é a ultima coisa que você tem que verificar, você tem que chamar um eletricista para fazer uma revisão e a chance disso estar acontecendo é quase mínima.

Outra coisa que também costuma acontecer é quando o relógio medidor de energia é trocado. Quando a concessionária troca o relógio de energia, pode ser que o relógio anterior estivesse marcando errado e então quando eles colocam outro relógio de energia você vai sentir sim uma diferença no consumo. Não porque o atual, o novo relógio está com algum problema e sim porque o antigo estava, até porque todos os relógios de energia passam por aferição, são calibrados para ser o mais justo possível, o que o que acontece isso, você teve uma troca de relógio também.. é algo para se considerar.

Ainda há uma possibilidade muito pequena que é de alguém estar roubando energia de você. Pode ser sim que tenha alguém roubando energia mas é algo que só um eletricista vai poder verificar in loco. Se você fez tudo isso que falei no vídeo e não encontrou nada errado eu recomendo sim que você chame um eletricista para dar uma olhada na fiação, para dar uma olha se tem alguma roubando energia de você, se tem alguma coisa estranha, pode sim acontecer. É raro mas acontece.

Estas foram então algumas dicas que eu tinha para passar para você sobre o que pode ser quando a sua conta de energia vem muito alta. Por gentileza mande para todo mundo esta informação que é de utilidade pública. Muita gente deixa aqui nos comentário para mim que a conta veio alta e não sabe o que fazer, então eu peço para você que mande para todas as pessoas e consequentemente você ajudar muita gente.

Espero que você tenha gostado deste vídeo, um abraço e até mais!

Descrição

Sua conta de energia elétrica veio mais cara? Descubra neste vídeo como descobrir o que pode ter ocasionado o valor da sua conta de energia. Pode ser algum equipamento gastando mais ou até mesmo ser o preço do kilowatt-hora que aumentou. Veja alguns equipamentos eletrônicos que podem gastar mais energia elétrica e descubra de uma vez por todas porque a conta de luz veio mais cara este mês.

#consumodeenergia #contadeluz #contamaiscara

@2006 - 2021 - Adriano AOli

Criação de Sites - Criação de Sistemas

Todos os direitos reservados